Em abril, a relação de preços entre frango vivo e milho foi de 1 para 4,937 (1:4,937).Ou, exemplificando, uma tonelada de frango vivo permitiu adquirir 4,937 toneladas de milho (bases: interior de São Paulo). Para o frango vivo essa foi a melhor relação de preços registrada nos últimos 16 meses, ou seja, desde janeiro do ano passado. Em dezembro de 2015, com a disparada de preços do milho já em andamento, essa relação ficou em 1:4,945.

Considerada esta última indicação, cinco meses depois, em maio de 2016, o poder de compra do frango em relação ao milho sofreu redução de, praticamente, 44%. Pois, então, uma tonelada de frango vivo adquiriu não mais que 2,8 toneladas de milho.

Notar pelo gráfico abaixo que, a despeito da sensível melhora em relação à capacidade aquisitiva de maio de 2016, o poder de compra atual (4,937 toneladas de milho com uma tonelada de frango vivo) não é muito maior que a média registrada nos últimos 120 meses (10 anos transcorridos entre maio de 2007 e abril de 2017): 4,457 toneladas de milho.

Veja também:  Frango: Vivo se desvaloriza 3,3% nesta semana

Comente esta matéria

%d blogueiros gostam disto: