Nos últimos dias, as recentes chuvas no Sul do Brasil aliviaram produtores, que já se preocupavam com a baixa umidade do solo

Em parte de São Paulo, por outro lado, as precipitações deram tréguas, porém a colheita deve ser intensificada apenas na segunda quinzena de fevereiro. Em Goiás e Minas Gerais, por sua vez, as chuvas têm beneficiado as lavouras.

Quanto ao Mato Grosso, a atividade está atrasada em relação ao mesmo período de 2017, devido ao alto volume de precipitações.

Fonte: Cepea

Veja também:  Aprosoja MT e entidades iniciam módulo ambiental do Soja Plus

Comente esta matéria

%d blogueiros gostam disto: