Os preços do farelo de soja caíram na primeira quinzena de agosto, acompanhando os recuos da soja grão

 

A pressão de baixa vem do mercado internacional, com a melhora do clima nas principais regiões produtoras nos Estados Unidos e os recentes recuos do dólar.

Segundo levantamento da Scot Consultoria, em São Paulo, a tonelada do farelo está cotada, em média, em R$1.079,78, sem o frete.

O recuo foi de 3,9% em agosto, em relação a julho deste ano. Na comparação com agosto de 2016, o insumo está custando 21,9% menos este ano.

Em curto e médio prazos, o clima nos Estados Unidos e o câmbio continuarão ditando o ritmo do mercado da soja e do farelo de soja.

O cenário mais favorável de chuvas e desenvolvimento das lavouras norte-americanas deverá seguir como fator baixista nos próximos dias.

De qualquer maneira, o clima é sempre uma incógnita e qualquer questão adversa poderá retomar a firmeza dos preços.

Fonte: Scot Consultoria

Veja também:  Pela primeira vez em 2016, custos de produção de suínos e frangos têm queda

Comente esta matéria

%d blogueiros gostam disto: