Diárias de Mercado

Algodão: indicador sobe mais de 13% na parcial

Algodão segue parcial do mês renovando máxima nominal

Algodão segue parcial do mês renovando máxima nominal

As valorizações do dólar e dos contratos futuros na Bolsa de Nova York (ICE Futures) neste início de ano têm impulsionado as cotações do algodão em pluma no mercado brasileiro.

Siga-nos no facebook e instagram

Segundo pesquisadores do Cepea, esse cenário favorece a paridade de exportação. Nessa terça-feira, 12, o Indicador do algodão em pluma CEPEA/ESALQ, com pagamento em 8 dias, fechou a R$ 4,3137/lp, o maior, em termos nominais, de toda a série história desse produto, iniciada em julho de 1996. Na parcial deste mês (até o dia 12), o avanço do Indicador é de expressivos 13,24%.

Por Cepea

AGRONEWS BRASIL – Informação para quem produz

Mostrar mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos relacionados