conecte-se conosco

Diárias de Mercado

Boi gordo: mercado segue firme neste fim de mês

Publicado

em

boi

Em São Paulo, as altas observadas ao longo da semana passada permitiram uma sutil melhora na oferta de boiadas para abate, apesar da entrada do período de entressafra. As escalas das indústrias atendem, em média, de 5 a 6 dias no estado.

Na última sexta-feira (28/5), na comparação diária, o cenário foi de estabilidade e o boi, a vaca e a novilha gordos foram negociados em R$310,00/@, R$287,00/@ e R$301,00/@, respectivamente, preços brutos e a prazo, segundo levantamento da Scot Consultoria.

Siga-nos: Facebook | Instagram | Youtube

A referência para bovinos que atendem às exportações também ficou estável, em R$315,00/@, com negócios pontuais acima dessa referência podendo ocorrer.

Já no Sudeste de Rondônia, o cenário de oferta mais escassa movimentou os preços da vaca e novilha gordas, com aumentos de R$3,00/@ e 2,00/@, respectivamente, negociadas em R$289,00/@ e R$292,00/@, nessa ordem, preços brutos e a prazo. O boi gordo ficou estável na comparação diária, apregoado em R$300,00/@, sob as mesmas condições.

Em Mato Grosso, na região de Cuiabá, as escalas menores, somadas ao efeito negativo esperado do feriado sobre as compras na próxima semana, resultou em aumento de R$3,00/@ para o boi gordo, cotado em R$305,00/@, preço bruto e a prazo. A vaca e novilha gordas seguiram estáveis, negociadas em R$293,00/@ e R$297,00/@, nas mesmas condições.

Por Scot Consultoria

AGRONEWS – Informação para quem produz

Publicidade
Clique para comentar

Comente sobre esta matéria

Tendências