Cafeicultores realizaram, hoje (24), manifestações para sensibilizar Bolsonaro

Os cafeicultores do Brasil querem levar ao presidente Jair Bolsonaro, os principais pontos que motivaram as manifestações ocorridas hoje (24).

Entre as pautas das reivindicações está o “preço mínimo (justo) da saca de café, de pelo menos R$390”, repactuação de dívidas e criação de uma organização dos países produtores”, conforme relatou Neia Boroto Merlin, uma das líderes do movimento convocado pelo Grupo Agricultores Independentes.

cafeicultores
Grupo Agricultores Independentes na manhã desta sexta-feira (24), na BR-101, em Água Limpa, Jaguaré/ES.

No Espirito Santo, a manifestação teve início por volta de 9h desta sexta-feira (24) em Água Limpa – Jaguaré. A BR-101 chegou a ser fechada por poucos minutos no início da manifestação, mas os produtores liberaram o tráfego e se concentraram nas margens da rodovia. O produtor David Domingos Bastos reforça que o objetivo foi deixar o trânsito lento para que os cafeicultores tivessem de explicar aos usuários o motivo da manifestação.

cafeicultores

Em Rondônia, manifestação também paralisou a rodovia

Por meio de um pedido dos Produtores Rurais de Alto Alegre Dos Parecis e região, vários cafeicultores da Zona da Mata estiveram presente na BR-364 -trevo para Rolim de Moura, para reivindicar seus direitos no manifesto em prol dos cafeicultores, para melhoria nos preços do Café pago aos Produtores, conforme estabelece o artigo. 73 e 85 do Estatuto da Terra e o art.187 da Constituição Federal.

cafeicultores
BR-364 -trevo para Rolim de Moura

Segundo produtores, os principais pontos que mais afligem os cafeicultores são :

1) PREÇO MÍNIMO DO CAFÉ que deverá seguir a lei baseado na Constituição Brasileira no Aritigo 187 e, no Estatuto da Terra , lei 4504 nos seus artigos 73 e 85. De acordo com manifestantes o Governo não poderá prevaricar, pois prevaricação e lesar os 300.000 cafeicultores e os 2.000.000 de trabalhadores rurais e de toda sociedade dos 1740 municípios produtores de café com o desemprego e a pobreza .

2) ENDIVIDAMENTO- a cafeicultores padece do endividamento e faz se necessário URGENTE repactuacao dessas dívidas com juros civilizados, carência de 3 anos e no mínimo 10 anos de prazo .

3) CRIAÇÃO DA OCAFE que trará dignidade e sustentabilidade econômica aos cafeicultores. A OCAFE é a Estratégia mais inteligente que surgiu p a Cafeicultura. A OCAFE dará ao setor produtivo a tão sonhada sustentabilidade aos cafeicultores e suas famílias . A OCAFE não dependerá de recursos da UNIÃO e sangrar nossa sofrida sociedade . A OCAFE trará de 5 a 8 bilhões de dólares na balança comercial , trará riqueza e arrecadação de impostos e poderá perfeitamente diminuir as despesas do governo . A Sociedade adorará a inteligentíssima OCAFE que virá a contribuir com expressão a Agenda 2030 onde o Brasil é signatário entre 193 países para diminuir a pobreza mundial.

Por: AGRONEWS BRASIL *Com informações de ROLNEWS e TCONLINE

Siga o Agronews® nas redes sociais

Facebook AgronewsInstagram AgronewsTelegram AgronewsYoutube AgronewsWhatsapp Agronews

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *