Confira o desempenho de exportação das carnes em fevereiro

Desempenho exportador das carnes no mês de fevereiro de 2021

Como há tempos não se via, em fevereiro as exportações somadas das três carnes superaram, ainda que por pequena margem (0,24% de diferença), o volume exportado um ano antes. Graças à carne suína, cujos embarques foram quase um quarto superiores aos de fevereiro de 2020. Já o volume de carne bovina recuou mais de 7%, enquanto o da carne de frango quase empata com o de um ano atrás (redução de 1,14%).

Siga-nos: Facebook | Instagram | Youtube

No tocante ao preço, somente a carne bovina continuou com evolução positiva: 2,5% de aumento. O preço da carne suína foi 1,63% menor e o da carne de frango retrocedeu 6,59%.

A obrigação de renegociar contratos

Graças ao incremento no volume e apesar do preço em queda, a carne suína obteve aumento de 21% na receita cambial. Mas isso não impediu que a receita somada das três carnes ficasse 3% abaixo da registrada há um ano, pois a receita da carne bovina caiu 5,32% e da carne de frango 7,66%.

Vale notar ainda que, após quase um ano de receitas inferiores às da carne bovina, em fevereiro a carne de frango voltou a obter receita cambial ligeiramente superior à da carne bovina.

Confira o desempenho de exportação das carnes em fevereiro

Fonte: Avisite

AGRONEWS – Informação para quem produz

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.