Mato GrossoNotícias

COVID-19: Com 18 confirmados, MT deixa de divulgar casos suspeitos

covid-19-em-mt

Com base nas diretrizes dos Ministério da Saúde, a Secretaria de Estado de Saúde de Mato Grosso (SES-MT) passa a emitir boletim apenas de casos notificados de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG), a qual inclui a COVID-19 bem como outros tipos de Influenza.

Dos 18 casos confirmados de Covid-19 em Mato Grosso, na tarde desta segunda-feira (30), 4 pessoas estão hospitalizadas, sendo todos em leitos privados; duas estão em Unidade de Terapia Intensiva (UTIs) e duas em enfermaria.

Casos hospitalizados de SRAG são monitorados de forma diária em cada unidade hospitalar do Estado, com a finalidade de identificar e tratar corretamente qualquer caso suspeito hospitalizado de COVID-19. Os pacientes são devidamente acompanhados pelas equipes de Vigilância Epidemiológica do Estado e dos municípios. Mais informações estão detalhadas na Nota Informativa divulgada pela SES (Final da matéria).

Para o Secretário de Estado de Saúde, Gilberto Figueiredo, esta é a mesma medida já adotada pelo Ministério da Saúde. Ele aproveita a oportunidade para reforçar a importância da manutenção da quarenta “Fique em casa! se você puder, fique em confinamento. Eu gostaria de estar em casa em confinamento, mas tô trabalhando… Se você não é destas áreas estratégicas fica em casa.”, alerta Gilberto.

Recomendações

Atualmente, não existe vacina para prevenir a infecção pelo novo coronavírus. A melhor maneira de prevenir a infecção é evitar ser exposto ao vírus. Os sites da SES e do Ministério da Saúde dispõem de informações oficiais acerca do novo coronavírus. A orientação é de que não sejam divulgadas informações inverídicas, pois as notícias falsas causam pânico e atrapalham a condução dos trabalhos pelos serviços de saúde.

O Ministério da Saúde orienta os cuidados básicos para reduzir o risco geral de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o novo coronavírus. Entre as medidas estão:

  • Lavar as mãos frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos. Se não houver água e sabão, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool;
  • Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas;
  • Evitar contato próximo com pessoas doentes. Ficar em casa quando estiver doente;
  • Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo;
  • Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com frequência.

Profissionais de saúde devem utilizar medidas de precaução padrão, de contato e de gotículas (máscara cirúrgica, luvas, avental não estéril e óculos de proteção).

Clique aqui para acessar o BOLETIM INFORMATIVO Nº 22 – SÍNDROME RESPIRATÓRIA AGUDA GRAVE INCLUINDO COVID-19.

Por: AGRONEWS BRASIL – Informação para quem produz

Artigos relacionados
GeralNotícias

Mato Grosso validou mais Cadastros Ambientais Rurais (CAR) no Brasil

Mercado FinanceiroNotícias

Preço médio do etanol no Centro-Oeste aumentou 3,05%, diz Ticket Log

GeralNotícias

Diagnóstico da Agropecuária amplia desenvolvimento de atividades nas áreas rurais de Cuiabá-MT

Mercado FinanceiroNotícias

Boi: confira a relação de troca boi-bezerro de Mato Grosso

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.