Geral

Cuidado: Eduardo Costa revela que não é o verdadeiro compositor da nova música

Eu não sou o compositor desta música“, afirma Eduardo Costa, entenda.

Em vídeo publicado em suas redes sociais, o cantor admite não ser o compositor do novo single que esta bombando nas redes sociais e revela em detalhes como foi composta a sua nova música “Cuidado”. Eduardo comenta também sobre as ameaças que vem enfrentando após o lançamento.

Eduardo Costa comenta que nunca na história de sua carreira ele teve tanto sucesso em uma música como agora em “Cuidado”, com um crescimento muito grande em menos de 24h após o lançamento. “No Brasil inteiro só se fala dessa música, em todos os lugares que eu vou, o tempo inteiro recebendo mensagens aqui. E junto com isso veio ameaças, junto com isso veio pessoas atacando né, pessoas achando que essa música tem contexto político.”, explica.

Inspiração divina

Em outro trecho do vídeo o cantor fala de sua inspiração para compor a música. Ele admite que a música “Cuidado” foi composta em cerca de 8 minutos apenas e que ele recebeu uma mensagem divina para escrever a letra. “Essa música foi psicografada assim, eu demorei mais ou menos uns 7 ou 8 minutos pra fazer essa música. Essa música não é minha, essa música é uma mensagem que Deus me entregou como se fosse uma carta e mandou eu distribuir pra vocês. Eu estou aqui pra dizer pra vocês, eu não sou o compositor desta música, eu apenas escrevi uma mensagem“, revela Eduardo Costa.

Alfinetadas políticas

Sobre o fato da música citar o sistema político do país e a forma como alguns eleitores acabam caindo na tentação de vender o seu voto, Eduardo Costa afirma que a inspiração veio para relembrar nosso papel como cidadãos eleitores e não sobre determinados políticos. “Não existe política nesta música, se existisse eu teria ‘culhão’, seria homem macho suficiente, como eu sou, para vir aqui falar pra vocês: essa música tem sim cunho político, mas ela não tem.“, esclarece Eduardo Costa.

Assista abaixo vídeo completo com o depoimento do cantor Eduardo Costa.

Sobre a música “Cuidado”

Abaixo você confere a descrição na íntegra do videoclipe

Essa não é apenas uma música, é um manifesto, um apelo pela conscientização do nosso povo. Essa é uma música para nos fazer lembrar que temos que pensar muito antes de tomar uma decisão ! Pois está decisão pode afetar nossas vidas, as vidas dos nossos filhos e dos filhos dos nossos filhos !

A sociedade precisa entender que antes de escolher alguém pra nos representar frente a uma nação precisamos avaliar muito bem os prós e contras e não simplesmente escolher um número, preenche- lo nas urnas e apertar confirma! Nossa escolha vai muito além disso! cada um de nós somos responsáveis por acompanhar se as promessas foram cumpridas e se tudo será realizado ! Se cada um de nós não entender a importância disso, depois não adianta ficar bravo ! Afinal depois que nada for feito, ficaremos quatro anos com a sensação de ter vendido á “alma para o diabo”. ⚠️“CUIDADO. MUITO CUIDADO” ⚠️

Ainda não ouviu a música? Então assista abaixo o videoclipe oficial de lançamento da música “Cuidado”.

Letra:

Só querem nos roubar
E nos fazer de palhaços
Depois que estão eleitos
Vão morar em seus palácios

São carros importados
Aviões em áreas nobres
Somente a fé em Deus
É o que ainda resta para os pobres

Cuidado, muito cuidado

Cuidado que eles passam
Só de quatro em quatro anos
E o resto deste tempo
Eles ficam planejando

A festa, o pão, o circo
Feriado e o carnaval
Depois o povo morre
Em corredor de hospital

Cuidado, muito cuidado

Vendeu
Vendeu o voto e a alma pro diabo
E agora não adianta ficar bravo
É Deus por nós e cada um por si
Pode parar com o choro e o mi mi mi

Vendeu
Trocou os hospitais pelos estádios
E agora estádios viram hospitais
Você trocou Jesus por Barrabás
Sem mais

Cuidado que eles passam
Só de quatro em quatro anos
E o resto deste tempo
Eles ficam planejando

A festa, o pão, o circo
Feriado e o carnaval
Depois o povo morre
Em corredor de hospital

Cuidado, muito cuidado

Vendeu
Vendeu o voto e a alma pro diabo
E agora não adianta ficar bravo
É Deus por nós e cada um por si
Pode parar com o choro e o mi mi mi

Vendeu
Trocou os hospitais pelos estádios
E agora estádios viram hospitais
Você trocou Jesus por Barrabás

Vendeu
Vendeu o voto e a alma pro diabo
E agora não adianta ficar bravo
É Deus por nós e cada um por si
Pode parar com o choro e o mi mi mi

Vendeu
Trocou os hospitais pelos estádios
E agora estádios viram hospitais
Você trocou Jesus por Barrabás
Sem mais, sem mais

Você trocou Jesus por Barrabás
Sem mais

Por Vicente Delgado – AGRONEWS

Mostrar mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *