Mundo AnimalNotícias

Conheça o cachorro mais antigo do mundo e bom guarda de rebanho: Mastim Napolitano

O gigante mastim napolitano é atualmente adestrado para guarda de mansões e de fazendas, e cada vez mais é apreciado como cão de companhia pelo seu temperamento dócil e afetuoso

Por Daniele Balieiro – AGRONEWS®

Por serem cachorros gigantes e fortes, eles eram usados para puxar cargas e carroças carregadas de objetos. O Mastim Napolitano foi desenvolvido no sul da Itália, nas proximidades de Nápoles, de onde recebeu parte de seu nome. Os criadores napolitanos focados na criação de um cão de grande porte, com pele solta que iria protegê-lo em caso de ataque. Desejavam também um cachorro que fosse leal e amoroso com os membros da família.

O Mastim Napolitano é usado na proteção de rebanhos por ter uma figura grande e imponente, possuem um latido estrondoso intimidando qualquer um. Eles defendem o gado de predadores e ficam atentos durante dia ou durante à noite, conforme necessidade da fazenda.

Dados importantes sobre a raça

  • Origem: Itália;
  • Peso do Macho: 60 à 70 kg;
  • Peso da Fêmea: 50 à 60 kg;
  • Altura do Macho: 63-80 cm na cernelha;
  • Altura da Fêmea: 58-70 cm na cernelha;
  • Expectativa de vida: 8 à 10 anos.

Características

A raça possui instinto de cão de guarda. Por isso costuma latir bastante para dar alertas ao seu tutor ao perceber algum perigo. Já no dia-a-dia ele costuma ser silencioso. Além disso, esses cães são muito atentos com relação ao ambiente que os cerca, sendo capazes de detectar ameaças com muita facilidade.

Isso porque eles possuem tanto a audição quanto o olfato extremamente apurados, que os auxiliam à perceber que pessoas ou outros animais estão se aproximando de seu território, com muita antecedência.

Siga-nos: Facebook | Instagram | Youtube

Temperamento

O Mastim Napolitano é um guardião por natureza, e muito leal a seus familiares, sendo muito bom e carinhoso com crianças e membros da sua família. Ele costuma comportar-se muito bem dentro de casa, é um cão calmo, sendo uma ótima companhia. É um cachorro afetuoso e sensível, muito corajoso, ele não hesita em agir quando percebe que algo ameaça seu lar ou os seus tutores.

Inteligência

O Mastim Napolitano é um cachorro bastante obediente, no entanto, quando nota algum perigo eminente, age por conta própria. Não é muito difícil de ser adestrado e não deve ser incentivado a ser agressivo. Tratá-lo com carinho na hora de ensinar os comandos faz com que o vínculo entre vocês se fortaleça e auxilia em respostas melhores e mais rápidas da parte do cão. O ideal é ganhar sua confiança e fazer de tudo para que ele lhe obedeça sozinho.

Curiosidades

  • No Brasil esse cão ainda é raro, com isso seu valor de mercado é elevado em comparação com outas raças;
  • O Mastim Napolitano é sensível ao calor. Não deixá-lo ao ar livre em climas quentes, a menos que ele tenha acesso a muita sombra e água fresca;
  • Ele é o cão mais antigo do mundo. Originário na Itália, o mastim napolitano foi citado por oradores da Roma Antiga no ano 100a.c. e por isso muitos o consideram o cão mais antigo do mundo. Mas a sua origem é um pouco incerta, pois faltam muitas informações…

Confira um pouco mais da raça em Sociedade Brasileira de Cinofilia SOBRACI

AGRONEWS® – Informação para quem produz

 
telegram agronews

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos relacionados