Notícias

Produção de algodão deverá ser 12,5% maior em Mato Grosso

Segundo informações do Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea), até o dia 25 de agosto, 73,6% da área semeada com algodão no estado (2016/2017) havia sido colhido

Os trabalhos estão atrasados comparativamente com a temporada passada, quando neste mesmo período 91,2% da área estava colhida.

As chuvas em meados de agosto atrapalharam, em parte, o avanço da colheita, mas não foram registrados prejuízos maiores aos rendimentos médios das lavouras.

A área total semeada no estado foi de 617,24 mil hectares em 2016/2017, 0,9% mais que na safra passada. Do total, 533,80 mil hectares, o equivalente a 86,5% da área, foram semeados na segunda safra.

A produção esperada é de 986,62 mil toneladas de algodão em pluma, considerando a primeira e a segunda safras. Este volume é 12,5% maior que o colhido no ciclo passado.

Além do aumento na área, a produtividade média deverá crescer 14,1% na safra atual, estimada em 107 arrobas por hectare.

Com relação à produção mato-grossense de caroço de algodão, estão previstas 1,50 milhão de toneladas este ano, frente as 1,28 milhão colhidas anteriormente.

O avanço da colheita e a maior disponibilidade interna pressionam para baixo os preços da pluma e do caroço de algodão.

Fonte: Scot Consultoria

 
telegram agronews

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos relacionados