Diárias de Mercado

Etanol: produção deve ter 7% de redução

Médias mensais da temporada de etanol atual são as maiores das últimas 3 safras, de acordo com Cepea

Considerando-se os primeiros três meses da temporada 2022/23 (de abril/22 a junho/22), as médias mensais dos Indicadores CEPEA/ESALQ dos etanol hidratado e anidro estão respectivamente 6,8% e 10,4% acima das registradas no mesmo período da safra anterior, em termos reais (os valores foram deflacionados pelo IGP-M de junho/22). Tratam-se, também, das maiores médias para esse período das últimas três temporadas.

Siga-nos: Facebook | Instagram | Youtube

Segundo pesquisadores do Cepea, com a possibilidade de a produção ser menor – por conta das condições climáticas desfavoráveis no último ano –, a cana, de forma geral, não apresentou o padrão necessário para a antecipação das atividades de moagem no ano safra 22/23, como ocorre na maioria das vezes, o que acabou influenciando as cotações do biocombustível – a quantidade de cana processada deve ter queda de mais de 11%, e a qualidade, de 4%, resultando em diminuição de 7% na produção de etanol, segundo dados da Unica.

Artigos relacionados

Fonte: Cepea

AGRONEWS® é informação para quem produz

]]>

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo