Maior demanda eleva indicador do café robusta

As cotações domésticas do café robusta avançaram ao longo de novembro, impulsionadas pela maior presença de compradores no mercado spot nacional

Segundo pesquisadores do Cepea, agentes mostram aumento no interesse pela variedade para utilização em blends. Produtores de café, atentos a esse cenário, se afastam das negociações, à espera de novas valorizações do robusta.

Assim, o Indicador CEPEA/ESALQ do tipo 6 peneira 13 acima terminou o dia 30 de novembro a R$ 609,67/saca de 60 kg, elevação de 3,9% em relação ao último dia útil de outubro. No campo, cafeicultores do Espírito Santo estão preocupados com as lavouras. Com o estresse hídrico e as intensas ventanias relatadas em meses passados, a desfolha dos cafezais ocorreu de maneira intensa, ocasionando, em novembro, problemas no pegamento das flores.

Siga-nos: Facebook | Instagram | Youtube

Em Rondônia, a grande quantidade de chuvas foi satisfatória em novembro, mas produtores seguem atentos ao alto índice de abortamento nos cafezais.

Fonte: Cepea

AGRONEWS® é informação para quem produz

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *