Mercado FinanceiroDestaqueNotícias

Semeadura do algodão em Mato Grosso segue lenta

O avanço da semeadura do algodão em Mato Grosso no comparativo semanal foi de 1,30 p.p.

Desse modo, o plantio do algodão da safra 2022/23 em Mato Grosso atingiu 14,63% da área total estimada para o ciclo no dia 13/01. Cabe destacar que a área destinada à primeira safra já foi totalmente semeada.

Contudo, o total semeado está 6,67 p.p. atrás do registrado no mesmo período da safra 2021/22. Esse
ritmo mais lento no plantio da fibra ocorre, principalmente, por causa dos registros de chuva na maior
parte das regiões do estado, o que tem desacelerado a colheita da soja e consequentemente impactado na semeadura do algodão de segunda safra (que correspondem a 87,01% da área total do algodão mato-grossense).

Por fim, é importante ressaltar que a questão climática é um fator determinante para o avanço dos trabalhos a campo por parte dos produtores e de acordo com as previsões do NOAA, são esperadas chuvas acima da média dos últimos anos até fevereiro, o que deve ser um ponto de atenção para os cotonicultores.

Siga-nos: Facebook | Instagram | Youtube

Mercado Financeiro

  • Baixa: refletindo o otimismo político no Brasil e a desaceleração da inflação nos EUA, o dólar corrente apresentou queda de 4,00% no comparativo semanal;
  • Desvalorização: seguindo as últimas baixas nas cotações do dólar, a paridade de dezembro de 2023 reduziu 3,19% em relação à semana passada, cotada na média de R$ 153,13/@;
  • Queda: devido às incertezas quanto ao futuro da economia global, a estimativa do USDA de consumo mundial do algodão exibiu retração de 0,74% no comparativo mensal.
algodão

Por Daniele Balieiro com informações do Imea

AGRONEWS® – Informação para quem produz

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo