SP receberá o maior evento de cachorros do mundo em 2022

World Dog Show 2022 contará com mais de 5 mil cachorros de 300 raças vindos de 50 países

Organizado pela Confederação Brasileira de Cinofilia, a edição terá uma exposição exclusiva para celebrar as raças brasileiras.

De 8 a 11 de dezembro, a capital paulista recebe o World Dog Show (WDS), maior e mais importante evento de cães do mundo. São esperados mais de 5 mil animais de 300 raças vindos de 50 países para a competição que acontecerá no Expo Center Norte. Os apaixonados por cachorros terão a oportunidade de acompanhar as exposições de conformação e beleza, esportes caninos, adestramento, grooming, feira de produtos pets, entre outras atividades.

A terceira edição do WDS no Brasil é organizada pela Confederação Brasileira de Cinofilia (CBKC), entidade mater da cinofilia nacional e única representante da Fédération Cynologique Internationale (FCI) no país. “Receber um evento deste porte em solo nacional mostra a confiança que os países membros da FCI têm na CBKC e colocará o Brasil no centro dos olhares da cinofilia mundial. Estamos muito orgulhosos”, afirma Fábio Amorim, presidente da entidade.

Entre as novidades desta edição, que tem patrocínio master da ROYAL CANIN®️, está uma exposição exclusiva para raças nacionais em comemoração aos 100 anos da criação de cães no Brasil.

Com o recente reconhecimento do Pastor da Mantiqueira como um cachorro genuinamente brasileiro pela CBKC, o Brasil passa a ter 10 raças caninas originais. Por isso, os visitantes do WDS poderão conhecer não só ele, mas também o Fila Brasileiro, o Terrier Brasileiro, o Rastreador Brasileiro, o Buldogue Campeiro, o Ovelheiro Gaúcho e o Veadeiro Pampeano, por exemplo. “Esta é uma forma de valorizar o trabalho dos criadores brasileiros com as nossas raças. Precisamos prestigiá-los e aproveitar essa vitrine internacional que é o WDS para apresentá-los em grande estilo”, diz Amorim.

pastor da mantiqueira
Pastor da Mantiqueira – Créditos Canil Sobhie

O evento contará ainda com um ring central, uma espécie de pista de honra, com uma grande arquibancada, onde ocorrerão demonstrações de agility, adestramento, dancing dog etc. Além disso, todos os cães inscritos participarão da exposição internacional e ainda concorrerão a um título exclusivo da FCI pelo Mundial no Brasil, de acordo com a CBKC. O julgamento das raças será feito por mais de 100 juízes vindos dos cinco continentes.

A expectativa de público é 12 mil pessoas por dia no evento, que contará com uma forte presença de criadores de todas as regiões do Brasil. Já estão confirmadas as inscrições de criadores de todos os estados e de mais de 3,5 mil cachorros de todo o mundo. Esta será a terceira edição do WDS realizada no país. A estreia aconteceu em 1972, a primeira fora da Europa e a primeira das Américas, com um Pastor Alemão campeão. A segunda foi em 2004, sediada pelo Rio de Janeiro e teve um Pug como vencedor entre os mais de 2 mil cachorros inscritos.

Siga-nos: Facebook | Instagram | Youtube

A criação de cães no Brasil

cachorro
Bulgogue Campeiro – Créditos AGRONEWS®

O país é destaque em números de emissão de pedigrees e registro de canil. Só em 2021, a CBKC emitiu 160 mil pedigrees e registrou mais 2 mil canis. A capital paulista ocupa o primeiro lugar neste cenário. Em 2021, São Paulo fez o registro de 39.136 cães, seguida pelo Rio de Janeiro, com 14.617, e Minas Gerais, com 10.754. Expoente no mundo cinófilo, o país, representado pela CBKC, é o quinto no número de registros de cães no ranking da FCI, a maior e mais importante comunidade canina do mundo.

Um censo realizado pelo Instituto Pet Brasil (IPB) informa que o Brasil fechou 2021 com 149,6 milhões de pets. A estimativa é de que 58,1 milhões, mais de um terço deles, seja de cachorros. Um aumento de 4% em relação à quantidade de cachorros registrada em 2020. Segundo dados da ABINPET, o Brasil tem a segunda maior população de cachorros, gatos e aves canoras e ornamentais em todo o mundo e é o terceiro maior país em população total de animais de estimação.

Apoio e parcerias do WDS

O São Paulo Convention & Visitors Bureau (SPCVB) é um dos apoiadores do evento. O SPCVB é uma organização sem fins lucrativos, mantida pela iniciativa privada, que busca ampliar o volume de negócios e o mercado de consumo de São Paulo por meio da atividade turística, promovendo o destino aos mercados emissores mais relevantes; captando eventos nacionais e internacionais; e apoiando a melhoria dos serviços e do atendimento aos visitantes.

A São Paulo Turismo (SPTuris) também é parceira da CBKC e do FCI no World Dog Show Brasil 2022. A SPTuris é a empresa oficial de turismo e eventos da cidade de São Paulo. Fundada em 1970, ela é responsável pelo planejamento, organização e produção de eventos da cidade. A organização também tem um papel essencial no apoio de políticas públicas voltadas ao turismo na capital paulista.

A ex-primeira-dama da capital paulista, Bia Dória, é a madrinha do evento.

Siga-nos: Facebook | Instagram | Youtube

A CBKC e a cinofilia brasileira

A Confederação Brasileira de Cinofilia – CBKC é a entidade mater da cinofilia nacional. Foi criada como sucessora dos convênios nacionais e internacionais do Brasil Kennel Clube, e está sediada no Rio de Janeiro. A CBKC é a única representante em nosso país da Fédération Cynologique Internationale (FCI).

Entre as suas principais atribuições, estão as de dirigir a cinofilia nacional, através das federações e entidades assemelhadas, instalar e manter o serviço de registro genealógico de cães de raça pura, manter relações com as entidades cinófilas estrangeiras, entre outros.

Atualmente, a CBKC possui mais de 80 clubes afiliados, divididos em todos os estados da Federação, além de conselhos e departamentos especializados de raças. Estes contam com total apoio da Confederação na realização de seus eventos, tais como: exposições gerais e especializadas de raças; cursos técnicos, simpósios, cursos de formação de juízes, formação de handlers, manejo e temperamento, entre outros.

Oferecer o suporte necessário para o aprimoramento da criação de cães no Brasil tem sido uma preocupação constante da entidade. Neste sentido, a CBKC procura interagir com seu público-alvo, através de seus conselhos de árbitros, cinotécnico e disciplinar, com a realização de palestras e encontros, divulgação periódica de boletins técnicos e circulares, sempre zelando pela qualidade e formação técnica da cinofilia brasileira.

AGRONEWS® é informação para quem produz

Siga o Agronews® nas redes sociais

Facebook AgronewsInstagram AgronewsTelegram AgronewsYoutube AgronewsWhatsapp Agronews

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *