Diárias de Mercado

Trigo: dólar forte sustenta preço no Brasil

Estimativa de produção de trigo no Paraná recua

Os preços do trigo seguem firmes no Brasil, principalmente no mercado de lotes, devido ao dólar bastante valorizado frente ao Real. Entre 25 de outubro e 1º de novembro, a moeda norte-americana subiu 2,25%, para R$ 5,671 na segunda-feira, 1º. Esse cenário é observado mesmo com o período de colheita no Brasil.

Siga-nos: Facebook | Instagram | Youtube

Além disso, os valores no mercado internacional continuam elevados. Em relação à liquidez, segundo colaboradores do Cepea, as negociações do trigo não estão ocorrendo de forma intensa, com produtores armazenando o cereal de melhor qualidade. A expectativa é negociar no primeiro semestre de 2022, quando sazonalmente os preços ficam acima da média anual.

No campo, a produção no Paraná foi revisada para baixo (de 3,53 milhões de toneladas no relatório de setembro para 3,24 milhões de t no de outubro), ainda devido à estiagem em meses anteriores, que reduziu o potencial produtivo das lavouras. Ainda assim, a produção do estado deve ser superior à da temporada anterior (3,19 milhões de toneladas), em decorrência da maior área destinada ao cereal, que atingiu 1,2 milhão de hectares, elevação de 7% no mesmo comparativo.

Fonte: Cepea

AGRONEWS® – Informação para quem produz

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos relacionados