Fim da privacidade mental?

Cientistas criam algoritmo que consegue ler pensamentos humanos

Pela primeira vez, os cientistas relatam ter criado um método que usa gravações funcionais de ressonância magnética para reconstruir a linguagem contínua. A fMRI rastreia o fluxo de sangue oxigenado através do cérebro e...

Se você tivesse perguntado a qualquer neurocientista cognitivo do mundo há 20 anos se isso era factível, eles teriam rido de você”, disse o autor principal do artigo, Alexander Huth, neurocientista da Universidade do Texas em Austin

Decodificador de pensamentos

Os resultados indicaram que o procedimento de adivinhação e verificação do algoritmo eventualmente gera toda uma história a partir de gravações de ressonância magnética, o que, diz Huth, corresponde “muito bem” com a história real sendo contada na gravação de áudio.

Resultados iniciais

Huth reconhece que, para alguns, a tecnologia que é capaz de efetivamente “ler mentes” pode ser um pouco “assustadora“. A equipe pensou profundamente sobre as implicações da pesquisa e, por preocupação com a privacidade mental, analisou se o decodificador funcionaria sem a cooperação voluntária do participante.

Será o fim da Privacidade  mental

É uma questão de saber se os benefícios da tecnologia como essa superam as possíveis armadilhas“, diz Nastase. A longo prazo, a equipe de pesquisa pretende desenvolver essa tecnologia para que possa ser usada em interfaces cérebro-computador projetadas para pessoas que não sabem falar ou digitar.

Pesquisa inusitada