Boi: confira os custos de produção da pecuária de corte de MT

O Imea atualizou os custos de produção da pecuária de corte em Mato Grosso, confira!

Os resultados obtidos para o custo operacional efetivo (COE) aumentaram 11,16% na cria e 12,05% para a recria e engorda e registraram queda de 15,55% para o sistema de ciclo completo no comparativo com o 4º trimestre de 2022. Com isso, os indicadores ficaram na média de R$ 112,13/@, R$ 251,20/@ e R$ 94,99/@,
respectivamente.

Fatores ligados aos maiores gastos com as operações mecanizadas (devido ao aumento no preço do combustível) e a contínua valorização nos preços dos insumos voltados para a manutenção de pastagens como fertilizantes e herbicidas, influenciaram para este cenário.

Por fim, o custo operacional total (COT), ou o mesmo que custo a médio prazo, pois considera todos os desembolsos do produtor somados às depreciações e pró-labore no ano, resultaram na média de R$ 167,40/@, R$ 271,86/@ e R$ 140,64/@, na mesma ordem.

Siga-nos: Facebook | Instagram | Youtube

Mercado Financeiro

Recuo: o preço médio da arroba do boi teve queda de 1,60% no comparativo semanal e ficou precificada a R$ 287,87. A menor demanda interna influenciou neste cenário.

Retração: na última semana foi registrada um recuo na arroba da vaca gorda de 1,57% ante a semana passada e o indicador ficou cotado na média de R$ 277,94/@.

Diminuiu: contrário ao cenário anterior, o preço médio do bezerro de ano fechou a semana na média de R$ 2.981,00/cabeças, recuo de 1,00% ante a semana passada.

AGRONEWS® é informação para quem produz

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.