Citros: baixa liquidez limita cotações dos cítricos

As vendas de cítricos seguem lentas, ainda limitadas pela demanda enfraquecida

No caso da laranja, além da baixa procura, o aumento gradual da oferta tem influenciado os preços, já que a indústria ainda não está absorvendo volumes elevados da fruta. Assim, na parcial desta semana (de segunda a quinta-feira), o preço da laranja pera fechou com média de R$ 35,97/cx de 40,8 kg, na árvore, praticamente estável em comparação com a semana anterior.

Veja estas outras matérias
Citros: preços da tahiti reagem em junho de 2022
citros

Depois de praticamente atravessarem todo o 1° semestre registrando baixos patamares, os preços do citros (lima ácida tahiti) vêm reagindo Leia agora

Citros: preços da laranja continuam em baixa
citros

Os preços da laranja seguem em queda, de acordo com dados do Cepea Na parcial desta semana (de segunda a Leia agora

Citros: preços da laranja sobem; mercado segue em alta
Citros: preços da laranja sobem; mercado segue em alta

Com a permanência das temperaturas elevadas, o mercado de todas as variedades de citros está mais movimentado no estado de Leia agora

Citros: preço da tahiti tem forte alta nesta semana
Citros: preço da tahiti tem forte alta nesta semana

A oferta de lima ácida tahiti está diminuindo nos pomares paulistas, o que levou os valores da fruta a reagirem Leia agora

Siga-nos: Facebook | Instagram | Youtube

A rubi teve média de R$ 31,38/cx, valorização de 0,64% na mesma comparação. A lima ácida tahiti, por sua vez, continua com preços em queda. A média parcial da semana foi de R$ 11,51/cx de 27 kg, colhida, recuo de 16,03% na mesma comparação.

Fonte: Cepea

AGRONEWS® é informação para quem produz

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.