Mercado FinanceiroNotícias

Milho: comercialização da safra 2021/22 segue lenta

milho

Comercialização da safra 2021/22 de milho em Mato Grosso segue a passos curtos no mês de maio

Por Daniele Balieiro/ AGRONEWS® com informação do Imea

Segundo o Imea, as vendas da safra de milho 2021/22 atingiram 61,01% da produção esperada, avanço de 3,14 p.p. em relação ao relatório anterior, entretanto, 10,97 p.p. abaixo do observado nas últimas cinco safras. As regiões que mais apresentam atraso são a sudeste, noroeste e centro-sul, com 56,96%, 57,21% e 59,75%, respectivamente.

O cenário é resultado das incertezas quanto à produtividade do cereal em função do estresse hídrico que as regiões produtoras do estado enfrentaram nos
meses de abril e maio. Outro fator são as incertezas por parte dos produtores em comercializar grandes volumes antecipadamente, dado que na safra anterior os preços apresentaram valorização significativa no segundo semestre.

Em relação ao preço médio comercializado, ficou em R$ 69,66/sc no estado, queda mensal de 3,98%. Esse movimento foi pautado pela entrada da oferta de milho no mercado com o avanço da colheita.

Siga-nos: Facebook | Instagram | Youtube

Mercado Financeiro

Acréscimo: As cotações do milho na bolsa brasileira (B3) tiverem alta de 0,83% e ficou cotado a R$ 88,57/sc no comparativo semanal.

Alta: Com perspectivas de redução na área plantada de milho nos Estados Unidos, segundo o USDA, as cotações do cereal na CME Group ficaram em US$ 7,62/bu na última semana.

Incremento: Com o aumento da inflação americana, o mercado especula acréscimo na taxa de juros. Desse modo, o dólar apresentou alta de 2,43% na última semana.

AGRONEWS® é informação para quem produz

Artigos relacionados
Mercado FinanceiroNotícias

Milho: confira o custeio da safra 2022/23 em Mato Grosso

Diárias de Mercado

Milho: preço segue firme em junho de 2022

Mercado FinanceiroNotícias

Algodão: comercialização da safra 2021/22 está em baixa

Mercado FinanceiroNotícias

Milho: colheita avança em Mato Grosso

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.