GeralNotícias

Rolando Boldrin – O Sr. Brasil, 85 anos dedicados às raízes caipiras

Por Raul Domingos – IMMuB

Em cada casa, um causo, e em outubro celebramos os 85 anos de vida do ator, cantor e compositor Rolando Boldrin, figura conhecida por encontrar na vivência sua capacidade de comunicar a cultura popular, sendo um dos maiores divulgadores da música caipira e sertaneja no país!

Nascido em 1936 e natural de São Joaquim da Barra, cidade do interior paulista, o interesse pela música surgiu logo quando criança, que a partir do incentivo do pai, teve uma dupla sertaneja com seu irmão, chamada de ‘Boy (Rolando Boldrin) e Formiga’, se tornando um nome conhecido na rádio local, e que já demonstrava seu interesse pelos causos.

Além do estímulo pela música através das diversas duplas que passavam pela sua cidade, Boldrin também se viu chamado pela arte em razão dos circos-teatro, que foi o motor que despertou o interesse do artista pelos palcos, o que viria a se concretizar nos anos seguintes.

Assim, ao se aventurar aos 16 anos em sua ida para a cidade de São Paulo com o sonho de ser artista, oportunidade esta que chegou a partir de uma tentativa de integrar a Rede Tupi, tendo sido reprovado para o teste de cantor, mas que ainda rendeu-lhe um papel como figurante na emissora, iniciando assim sua contribuição como ator.

Após esse pontapé inicial onde atuou, declamou, compôs e escreveu, Boldrin se torna pessoa presente nas telenovelas e teatros, e, ao observar a brecha por estar em meio ao círculo artístico, volta a se movimentar no campo da música, sua paixão!

Foi assim que, ao longo dos anos na Rede Tupi que o nome de Rolando Boldrin cada vez mais foi se atrelando ao campo musical, o que se mostrou concretizado com o lançamento de seu primeiro disco, chamado ‘O Cantadô’, onde o músico de forma definitiva conta seus caminhos por meio da música caipira, unindo seus famosos causos junto da viola.

Artista multiplataforma

Com sua multiplicidade artística então que, a partir de 1981, Rolando Boldrin assume o papel de apresentador do ‘Som Brasil’, por ele idealizado e transmitido pela TV Globo, em um programa que surge como alternativa à música estrangeira ao nos remeter à simplicidade do interior junto de seus causos, e aqui o artista permaneceu à frente até os anos de 1984.

Os causos, marca de Rolando Boldrin, são uma marca na comunicação entre os povos, e que tradicionalmente são utilizados pelos caipiras e sertanejos que, contando uma história, acabam por transmitir o conhecimento que detinham.

Após perceber a riqueza de um programa voltado para suas raízes que Boldrin passa por diversos formatos e emissoras até iniciar em 2005, pela TV Cultura, o programa ‘Sr. Brasil’, espaço onde encontrou em si o importante papel na preservação e propagação da cultura interiorana caipira e sertaneja, além de eternizar o nome de Rolando como o “maior contador de causos da televisão brasileira”!

”Eu, a viola e Deus”, por Rolando Boldrin – Sr. Brasil

Apesar da marca caipira, hoje o programa ‘Sr. Brasil’ segue primando pelo caráter regional de seus convidados, sendo um acervo vivo de toda a expressão presente no interior de nossas regiões.

De forma paralela à sua atuação como apresentador, Boldrin não deixou de seguir a carreira de ator, sendo este o real ofício como por ele é mencionado: “sou fundamentalmente um ator, esse tem sido meu trabalho a vida inteira; radioator, ator de novela, de teatro, de cinema, um ator que canta, declama poesias e conta histórias.”.

Rolando Boldrin assim, se mostra como um verdadeiro porta voz da cultura caipira, sendo este caminho a síntese de sua carreira, que não se afastou de suas raízes e conseguiu levar a calmaria do interior a todo o Brasil, em um legado que permite degustar as diferentes estética da voz popular!

É que a viola fala alto no meu peito humano
E toda moda é um remédio pros meus desenganos
É que a viola fala alto no meu peito, humano
E toda mágoa é um mistério fora deste plano
Pra todo aquele que só fala que eu não sei viver
Chega lá em casa pruma visitinha
Que no verso ou no reverso da vida inteirinha
Há de encontrar-me num cateretê”

Aumento o som e curta os grandes sucesso de Rolando Boldrin, o Sr.Brasil

AGRONEWS® – Informação para quem produz

Siga-nos no Google News: CLIQUE AQUI

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Artigos relacionados