Brasil recebe maior navio de fertilizantes do mundo e maior carga da história de Paranaguá

Na última sexta-feira (13), o porto de Paranaguá recebeu o maior navio de fertilizantes do mundo, transportando 73.310 toneladas de sulfato de amônio. Esse volume é um recorde histórico em Paranaguá.

A operação de descarga do navio ocorreu durante toda a semana. A carga vem da China, um dos principais fornecedores de fertilizantes para o mundo. O navio responsável pelo transporte é o RED MARLIN, atualmente localizado na costa leste da América do Sul.

Brasil recebe maior navio de fertilizantes do mundo e maior carga da história de Paranaguá

A produção e transporte de fertilizantes é realizado durante todo o ano para atender às necessidades de nutrientes das culturas dos agricultores em todo o mundo. A jornada dos fertilizantes desde a produção até a aplicação na fazenda requer vários modos de transporte, incluindo barcos, trens, caminhões e dutos.

Maior navio de fertilizantes do mundo

A embarcação é a RED MARLIN (IMO: 9738222), é um graneleiro construído em 2017 (6 anos atrás) e navegando sob a bandeira de Marshall Is. Tem uma capacidade de carga de 85.015 dwt e um calado atual de 7 metros. Tem um comprimento total (LOA) de 229 metros e uma largura de 38 metros.

Navio chegou ao Brasil transportando 73.310 toneladas de sulfato de amônio. Um recorde histórico para o Porto de Paranaguá.

Antes desta, a carga máxima de fertilizantes recebida era do navio Lord Byron em julho de 2022, segundo o diretor de operações da Portos do Paraná, Luiz Teixeira da Silva Júnior. Na ocasião, foram desembarcadas 64.777 toneladas de fertilizantes de nitrogênio e fósforo.

Brasil recebe maior navio de fertilizantes do mundo e maior carga da história de Paranaguá

De acordo com Luiz, os recentes investimentos na infraestrutura marítima proporcionam a recepção de navios maiores e mais carregados. Ele menciona algumas destas obras de adequações. “Estamos recebendo navios maiores e mais carregados graças aos recentes investimentos na infraestrutura marítima”, diz Luiz Teixeira. “Obras como a derrocagem das pedras da Palangana e a dragagem de manutenção permanente propiciaram ganhos operacionais para os terminais, com aumento da profundidade.”, completa.

O navio Red Marlin, com 229 metros de comprimento e capacidade para transportar 85 mil toneladas de carga a granel. A embarcação saiu do porto de Tianjin, na China e foi exportada pela empresa de Yunnan representada pela Fertibroker no Brasil.

Brasil recebe maior navio de fertilizantes do mundo e maior carga da história de Paranaguá

A agência marítima responsável pelo navio é a Orion. Em resumo, o maior navio de fertilizantes do mundo trouxe uma grande quantidade de material para a agricultura para o porto de Paranaguá, e isso é possível devido aos recentes investimentos na infraestrutura marítima, permitindo a recepção de navios maiores e mais carregados, proporcionando ganhos operacionais para os terminais e aumentando a profundidade.

AGRONEWS® é informação para quem produz

3 Comentários

  1. Analista da Tijucadisse:

    Há uma confusão no texto da notícia aliás muito boa pois para um país com a nossa costa os portos estavam caindo aos pedaços até 1970, quando começou um investimento necessário e o resultado e este como mostrado na reportagem, mas os dados do RED MARLIN estão confusos: quando as dimensões tudo bem mas 85000 ton DWT seria o peso bruto arqueado ou seja vazio e ele transportou 73000 Ton de fertllilizantes.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *