conecte-se conosco

Notícias

Brasil Verde e Amarelo, onda liderada pelo setor Agro garante apoio à Bolsonaro

Publicado

em

A Explanada dos Ministérios, em Brasília, foi tomada, no último sábado (15), pelas cores verde e amarelo, em alusão ao movimento criado por entidades ligadas ao agronegócio brasileiro. A manifestação atraiu cerca de cem mil pessoas, a maioria produtores rurais de diferentes regiões do país. Montados a cavalo, outros com tratores, caminhões, os manifestantes seguravam nas mãos a bandeira do Brasil, em apoio ao presidente Jair Bolsonaro.

Brasil verde e amarelo
Movimento Brasil Verde e Amarelo – Brasília, 15 de maio de 2021

Emocionado, Bolsonaro se dirige a multidão confiante da sua postura frente a gestão nacional. “Não desafiamos ninguém, não queremos o confronto com ninguém, mas não ousem confrontar ou roubar a liberdade do nosso povo. Vocês tem todo o direito de ir vir, o direito a crença e o direito de trabalhar. Sem qualquer critério, estes direitos foram suprimidos de vocês por algum tempo. Acabou este tempo, isso não voltará a acontecer!“, afirma o presidente. Veja abaixo o vídeo completo da fala do Bolsonaro.

Siga-nos: Facebook | Instagram | Youtube

BOLSONARO DISCURSA PARA OS PRODUTORES RURAIS – BRASIL VERDE E AMARELO

Bolsonaro andou pelos arredores da esplanada e foi recebido com muito carinho pelos produtores rurais do país. Até mesmo a comida preparada na hora, recebeu os dizeres de “Mito” em homenagem a figura do presidente. Veja abaixo este momento inusitado:

Bolsonaro visita barracas do movimento brasil verde e amarelo

Apoio do setor agro

O movimento “Brasil Verde e Amarelo” teve apoio da Associação Brasileira dos Produtores de Soja, e outras associações e sindicatos que representam os agricultores, pecuaristas e demais produtores rurais do País.

brasil verde e amarelo
Bolsonaro e Antônio Galvan – Pres. Aprosoja Brasil

De acordo com o pecuarista Celso Nogueira, presidente do Sindicato Rural de Cuiabá/MT, mais de 150 pessoas de Cuiabá estiveram presentes em Brasília, no último sábado (15). “De Cuiabá saíram dois ônibus, outros preferiram ir de carro próprio e alguns de avião. Um ato muito bem organizado, sem confusão, onde inclusive dava para perceber a presença de crianças e idosos. O apoio era massivo”, afirmou Nogueira.

celso nogueira
Celso Nogueira, presidente do Sindicato Rural de Cuiabá/MT

Segundo Fernando Cadore, presidente da Aprosoja Mato Grosso, entidade com mais de sete mil associados, o objetivo do ato não foi apresentar ou cobrar alguma pauta do setor produtivo, mais sim, uma manifestação democrática em favor do Brasil. “A soberania do povo está sendo mostrada. É a união de voluntários brasileiros, onde o nosso produtor aderiu. Chega de interferência entre os poderes. O executivo tem que ter governabilidade para enfrentar a pandemia e fazer políticas públicas. Não é hora de guerra política, é hora de união. E mais uma vez o agro demonstra preocupação com o nosso País. A agricultura não para”, alertou Cadore. Assista abaixo o depoimento do presidente da Aprosoja MT.

Fernando Cadore, presidente da Aprosoja Mato Grosso

Manifestações indígenas

Um grupo representando os povos indígenas, também foram à Brasília e participaram das manifestações em prol do presidente Bolsonaro. Assista abaixo o momento em que eles fazem a sua saudação ao movimento Brasil Verde e Amarelo.

INDÍGENAS DE MATO GROSSO – BRASIL VERDE E AMARELO

Lideranças do Agro

Para o produtor rural, Jefferson Rocha, um dos fundadores do Movimento Brasil Verde e Amarelo, criado em 2019, para defender as pautas que o País, como as Reformas Tributária e Previdenciária, Pacote Anticrime e outras, e que nesse ato as base produtoras do AGRO cobram também o respeito à liberdade do povo brasileiro, fim das políticas de lockdowns, eleições com voto impresso e auditável, Supremo Tribunal Federal (SFT) decente e Senado altivo. “São pautas nacionais que buscam dá um basta esse corporativismo. E os resultados são imediatos, o agro sai fortalecido dessa manifestação juntamente com o presidente Jair Bolsonaro”, observou Jefferson. Veja abaixo um trecho da fala de Jefferson durante o ato em Brasília.

Brasil verde e amarelo,bolsonaro,agro,agronews
Deputado federal Jerônimo Georgen

Essa opinião também é compartilhada pelo deputado federal Jerônimo Georgen (PP-RS), que integra a Frente Parlamente da Agricultura, fórum que reúne mais de 250 deputados em defesa do agronegócio. Para ele, o movimento demonstrou a força do agro. “Os produtores rurais querem evoluir com segurança jurídica, com o apoio para o setor, e isso o governo federal tem demonstrado o respeito. Por mais que ainda não tenha atendido pautas que estão pendentes, como o fim do passivo do funrural e alguns pontos de endividamento que existem dentro de algumas cadeias produtivas, mais essas pautas aos poucos estão sendo avançadas”, observou Georgen.

Brasil verde e amarelo,bolsonaro,agro,agronews
Movimento Brasil Verde e Amarelo – Brasília, 15 de maio de 2021

Um novo ato público em favor do presidente Jair Bolsonaro está previsto para acontecer no dia 09 de Julho. Dessa vez, o Movimento Pro Armas, em defesa da luta pela liberdade, que deve reunir manifestantes na Explanada dos Ministérios, em Brasília.

Po: Márcio Moreira e Vicente Delgado – AGRONEWS

AGRONEWS – Informação para quem produz

Publicidade
Clique para comentar

Comente sobre esta matéria

Tendências