Café: arábica registra desvalorização em fevereiro de 2022

As cotações do café arábica recuaram nos últimos dias, após atingirem novo recorde nominal na primeira quinzena de fevereiro

Nessa terça-feira, 22, o Indicador CEPEA/ESALQ do arábica tipo 6, posto na capital paulista, fechou a R$ 1.453,13/saca de 60 kg, forte queda de 46,24 Reais/sc (ou de 3,08%) frente ao da terça anterior, 15.

Segundo pesquisadores do Cepea, a pressão sobre os valores do arábica veio das desvalorizações dos futuros da variedade e do dólar. Diante disso, agentes se afastaram do spot nacional, reforçando a baixa liquidez.

Siga-nos: Facebook | Instagram | Youtube

Café Robusta

Os preços têm apresentado poucas oscilações nas últimas semanas. Vendedores estão retraídos do spot, devendo negociar maiores volumes apenas com a aproximação da colheita ou diante de nova valorização.

Fonte: Cepea

AGRONEWS® é informação para quem produz

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.