ClimatempoPrevisão do tempo

CLIMATEMPO 14 a 20 de setembro 2021, veja a previsão do tempo no Brasil

Chuva só se consolida no Centro-Oeste em outubro. Assista o Boletim CLIMATEMPO 14 a 20 de setembro 2021 e veja a previsão do tempo em todas as regiões do Brasil nesta semana.

Capital paulista pode registrar um novo recorde de temperatura

O estado de São Paulo segue a terça-feira (14), em situação pré-frontal, que é quando antecede a chegada de uma frente fria. O ar seco segue atuando e o destaque será o calor e a baixa umidade do ar ao longo do dia.

O sol predomina forte sobre a Grande SP e as temperaturas sobem no decorrer do dia. A capital paulista poderá bater o recorde de calor na tarde desta terça-feira, 14 de setembro de 2021, se for confirmada a previsão de 35°C de temperatura máxima.

Especialmente pra você!

O recorde atual de calor para o ano de 2021 é de 34,1°C, em 30 de janeiro, pela medição do Instituto Nacional de Meteorologia.

Umidade relativa do ar segue baixa no estado

A umidade relativa do ar fica abaixo dos 30% em praticamente toda região central do estado, inclusive na capital. Nas áreas mais ao norte, os valores ficam abaixo de 20% nas horas mais quentes do dia.

Frente fria muda o tempo em SP

Uma nova frente fria avança em direção ao Sudeste do país ao longo desta terça-feira (14) aumentando as instabilidades em parte do oeste e sul do estado de São Paulo. As pancadas ocorrem de forma isolada e podem vir em forma de temporais nestas regiões a partir da tarde. Na capital e demais áreas o predomínio é de tempo firme. A chuva retorna nos próximos dias e a semana que começou quente e seca termina mais úmida no estado.

Chuva retorna ao Sudeste e Centro-Oeste nos próximos dias

Com o avanço de uma frente fria ao longo desta semana, as condições de chuva aumentam em áreas do Sudeste e Centro-Oeste do país. No entanto, é válido ressaltar que a chuva ainda não será capaz de reverter o quadro de seca que muitas áreas destas regiões enfrentam, pois a chuva ainda não será generalizada e volumosa.

Como informa o Boletim CLIMATEMPO, a frente fria começa a avançar ao longo da terça-feira, 14 de setembro. Este sistema já vai provocar chuva em áreas do centro-sul e oeste de São Paulo e no estado de Mato Grosso do Sul. Em São Paulo ainda é uma chuva mais isolada, mas em Mato Grosso do Sul, no sul do estado, já pode chover forte, com raios, trovoadas e rajadas de vento. Mato Grosso também fica instável e chove até com forte intensidade em áreas do noroeste do estado.

O sistema continua avançando ao longo da quarta-feira e a chuva se espalha mais sobre São Paulo, Mato Grosso do Sul e já chove também em áreas do sul de Minas e no centro-sul do Rio De Janeiro.

A semana vai terminar úmida entre São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo, sul de Minas, Mato Grosso do Sul e Mato Grosso. Não dá para descartar alguns temporais nestas áreas ao longo da semana, mas não há expectativa para volumes muito elevados.

Ar seco ainda persiste

Já nas áreas do centro-norte de Minas Gerais, em Belo Horizonte, Goiás e no Distrito Federal, não há expectativa de mudanças significativas nos próximos dias. O ar mais seco ainda persiste. Até chove em áreas próximas da capital mineira, mas não deve chover na capital ao longo da semana e as temperaturas vão continuar acima dos 30°C.

Temporais e ventania atingem o Sul do Brasil a partir desta terça-feira

A última frente fria que passou pelo Sul do Brasil nesta semana deixou um rastro de transtornos. Foram registradas ventanias acima dos 90km/h em cidades do Rio Grande do Sul, houve granizo e muitas trovoadas em Santa Catarina e até mesmo no Paraná.

Uma nova frente fria associada a um ciclone extratropical avança nesta terça-feira (14) e acende novamente o alerta para temporais no Sul do país.

O tempo segue bastante carregado no estado do Rio Grande do Sul. Há risco de tempo severo, chuva volumosa, vendaval e eventual queda de granizo, principalmente na região norte e noroeste do estado. Entre a região da Campanha Gaúcha, sul e oeste do estado há condições para chuva moderada a forte ao longo do dia.

Atenção! Os volumes extremamente elevados podem provocar transbordamento dos rios e deslizamento de encostas.

Chuva avança para mais áreas da Região!

Nesta terça-feira o tempo também fica instável sobre os estados de Santa Catarina e do Paraná. Há risco para temporais por todo o centro e oeste de Santa Catarina e oeste, e sudoeste paranaense. A chuva será bem significativa com altos acumulados e mais uma vez há potencial para queda de granizo.

Ventos fortes!

São previstas rajadas de vento por todo o interior do Paraná e de Santa Catarina e norte do estado do Rio Grande do Sul. As rajadas podem vir com forte intensidade em torno dos 50 a 70 km/h ao longo desta terça-feira (14).

Assista abaixo o Boletim CLIMATEMPO 14 a 20 de setembro 2021

Tempestade tropical Nicholas ganha força e pode virar furacão

A tempestade tropical Nicholas está se fortalecendo à medida que se aproxima da costa do Texas. De acordo com a previsão da Stormgeo, Nicholas provavelmente atingirá a terra às 18h(horário local), hoje à noite, com potencial para se tornar um furacão categoria 1.

A principal ameaça de Nicholas é em relação à chuva forte. A maior ameaça de inundações (entre 10-14 polegadas) está no sudeste do Texas e no sudoeste da Louisiana.

Nicholas reduz velocidade

Depois de passar a noroeste da área de Houston na terça-feira à tarde, prevê-se que Nicholas reduza consideravelmente sua velocidade de avanço ao longo do leste do Texas até o oeste da Louisiana na quarta e quinta-feira.

Não são esperados ventos significativos associados ao centro na quarta e quinta-feira, mas há expectativa de chuvas fortes a leste do centro. Com isso, aumenta o risco de chuvas pesadas no sudoeste da Louisiana.

O risco de chuva forte é maior do que as condições para ventos fortes. Há uma grande chance de que os condados costeiros desde o leste da Baía de Matagorda, até o Condado de Chambers, possam ver grandes volumes principalmente no final desta tarde até terça-feira.

CLIMATEMPO 14 a 20 de setembro 2021

Fonte: CLIMATEMPO

AGRONEWS® – Informação para quem produz

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos relacionados