Governo de MT: Eficiência e infraestrutura serão prioridades da nova gestão

Governo de MT realiza cerimônia de posse do Governador, vice e novo secretariado. Para o fortalecimento do setor agro, eficiência e infraestrutura serão prioridades da nova gestão, afirma o governador reeleito.

Por Vicente Delgado – AGRONEWS®

Neste domingo, 1º de janeiro, o governador de Mato Grosso, Mauro Mendes, acompanhado da primeira-dama Virginia Mendes, deram posse aos secretários para o segundo mandato de seu governo. A cerimônia, realizada no Palácio Paiaguás, contou com a presença de diversas autoridades, incluindo o vice-governador Otaviano Pivetta, chefes de Poderes, senadores, deputados federais e estaduais.

Durante a coletiva de imprensa, o governador salientou que, para o setor agro, eficiência e infraestrutura serão prioridades nos próximos 4 anos.

Governo de MT: Eficiência e infraestrutura serão prioridades da nova gestão
Governador de MT Mauro Mendes – Foto: AGRONEWS®

Eficiência e infraestrutura

Quanto a infraestrutura para escoamento da safra, Mendes aproveitou para fazer uma retrospectiva do que já foi feito em seu mandato anterior e que terá continuidade no atual. “Fechamos esses quatro anos com 2.500 km de rodovias asfaltadas, estamos trabalhando fortemente em todo Mato Grosso melhorando essa infraestrutura, pontes sendo construídas, asfaltamento, manutenção das rodovias, a Ferrovia que saindo de Rondonópolis já está em obra para chegar a Cuiabá, a Lucas e Mutum. Então todos esses modais, com essas alternativas, ele vai trazer uma melhor competitividade na logística e esta logística melhor atende a custar menos isso vai trazer um resultado melhor para o produtor mato-grossense, deixando mais dinheiro com aqueles que trabalham e produzem nas diversas áreas do nosso estado.“, responde o governador ao Agronews®.

Sobre eficiência, que é a marca de sua gestão, Mauro Mendes diz que pretende dar celeridade aos processos burocráticos para garantir novos investimentos no setor. “O governo tem feito isso no campo da logística, no campo da desburocratização, melhorando os serviços, como estes que nós estamos melhorando no INDEA com a digitalização, com todo o procedimento que nós adotamos há algum tempo para que o governo possa licenciar mais rápido, de fazer com que o papel de regulamentador que ele tem perante as atividades econômicas elas aconteçam de maneira mais rápida, mais célere, criando um ambiente que estimule e amplie a atração de investimentos no Estado de Mato Grosso.“, completa o governador.

Os secretários que foram empossados pelo governador na nova gestão, dos 17 cargos, 13 titulares permaneceram desde o primeiro mandato de Mauro Mendes. O governador afirmou que todos os gestores têm como missão dar continuidade às entregas já iniciadas, visando tornar Mato Grosso um lugar ainda melhor para todos os cidadãos nos próximos anos.

Governo de MT: Eficiência e infraestrutura serão prioridades da nova gestão
Secretário Allan Kardec – Seciteci – Foto: AGRONEWS®

Agroindustrialização e qualificação da mão-de-obra

Uma das novidades no staff é o professor doutor Allan Kardec, ex-deputado estadual e que passa a comandar a pasta de Ciência, Tecnologia e Inovação – Seciteci. Para ele o governador tem feito um bom trabalho e os resultados na geração de emprego e renda são pontos fortes da gestão. O novo secretário assume com a missão de tornar esta mão-de-obra mais qualificada e atuar na industrialização da produção.

Nós temos um desafio colocado pelo governador Mauro Mendes que é a agroindustrialização e a tecnologia no campo, seja para o pequeno produtor ou grande produtor – é a geração de emprego e renda. Nós sabemos que a mecanização do campo já acontece, só que hoje a gente tem há a necessidade de uma mão de obra muito qualificada para o campo e a gente precisa qualificá-la também nas pequenas e médias propriedades. Essa vai ser uma das pautas da busca de profissionalização dos nossos jovens. Não dá para a gente ter mão-de-obra importada de outros estados, com bons salários, enquanto nós temos jovens aqui fora do mercado de trabalho.“, comenta o secretário. Ele afirma que a agricultura será um dos pontos focais da secretaria.

Allan Kardec também defende a manutenção da Amazônia Legal no estado, mas com a remuneração ao produtor que conserva a floresta em pé. “Um ponto importante será a tecnologia de pesquisa sobre a manutenção da nossa Floresta em pé e o aproveitamento dos nossos biomas para gerar riqueza. Não adianta a gente ter os biomas e não colocar dinheiro no bolso do nosso povo. Eu acredito que através da Ciência, Tecnologia e da Inovação, aliada a produção do campo com novas tecnologias que agridam menos o meio ambiente, Mato Grosso conseguirá fazer a grande transformação de um estado que produz mais e de verdade faz a manutenção da Floresta em pé.“, completa o secretario.

De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), Mato Grosso é o estado brasileiro com a menor taxa de desocupação do país, segundo a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad Contínua) divulgada em novembro de 2022. O índice de desemprego em Mato Grosso é de 3,8%, seguido de perto por Santa Catarina (3,8%), Rondônia (3,9%) e Roraima (4,9%). A taxa de desemprego em Mato Grosso é menos da metade da média nacional, que é de 8,7%.

O governador de Mato Grosso atribui esses números positivos a vários fatores, incluindo o maior investimento em obras e ações da história do estado, com milhares de projetos em andamento que geram empregos diretos e indiretos para milhares de pessoas. Outras medidas importantes para alcançar esses resultados incluem a redução de impostos, a isonomia nos incentivos fiscais e a redução da burocracia para as empresas.

Governo de MT: Eficiência e infraestrutura serão prioridades da nova gestão
Deputado Max Russi (PSB) – Foto: AGRONEWS®

Apoio do Legislativo

Entre os deputados eleitos que participaram da cerimônia de posse do governador, o deputado reeleito pelo PSB, Max Russi, acredita que o parlamento será um forte aliado à nova gestão. “O PSB fez a maior bancada, junto com o União Brasil e o MDB, dentro da Assembleia Legislativa, com a eleição de 4 deputados estaduais e com isso seremos um partido muito forte. E ainda agora assumindo a Secretaria de Ciência e Tecnologia, teremos uma participação direta junto ao governo do estado e isso é muito importante para Mato Grosso.“, comenta Russi.

Ele aproveitou para salientar que também teremos um apoio muito forte junto ao governo federal com a nomeação do novo ministro da Agricultura, Carlos Fávaro, que é mato-grossense. “Nós teremos alguém de Mato Grosso lá no ministério, que é um ministério mais importante talvez para o nosso estado, que é um estado agrícola, que é um estado do agro, que é um estado produtor, que é um estado que precisa ter uma atenção especial para com a agricultura e o nosso ministro tem condições de saber exatamente como é o nosso estado, as nossas deficiências, as nossa dificuldades, dos nossos produtores. Nós não tínhamos um ministro e agora nós temos um ministro, então nos próximos 4 anos nós temos que aproveitar isso.”, finaliza.

Governo de MT: Eficiência e infraestrutura serão prioridades da nova gestão
Deputada Janaína Riva (MDB) – Foto: AGRONEWS®

A deputada reeleita, Janaína Riva, afirma que a Assembleia irá trabalhar ainda mais para desburocratizar os processos para quem produz em Mato Grosso. “É claro que quando a gente fala de produção, a gente fala de agronegócio no nosso estado que é a mola propulsora de Mato Grosso. Então a nossa preocupação é fazer com que as Leis sejam mais acessíveis, no custo inclusive, e ao mesmo tempo sejam atrativas para àqueles que querem vir para a legalidade e para formalidade. Esse ainda é um desafio em estado jovem, como é o estado de Mato Grosso”.

A deputada comentou ainda sobre a desoneração fiscal aos produtores rurais “Já existe uma discussão aqui dentro da casa, de no futuro, nós começamos a pensar na redução de cobrança de impostos isso principalmente quando a gente fala do Fethab. Esse ano mesmo a gente gostaria de ter iniciado uma regressão da cobrança de imposto, só que esse impacto do ICMS no estado foi de quase 1 bilhão de reais e viabilizou isso, mas no futuro é o que a gente pretende fazer para facilitar para quem produz.“, completa.

Governo de MT: Eficiência e infraestrutura serão prioridades da nova gestão
Senador da República Wellington Fagundes – Foto: AGRONEWS®

Recursos federais

O senador da República reeleito, Wellington Fagundes, parabenizou as conquistas e avanços que o estado teve na gestão de Mauro Mendes. Ele frisou que Mato Grosso é um estado muito forte na produção agropecuária, por isso vai trabalhar em conjunto com o governo do estado para garantir a segurança alimentar tão cobrada pelo mundo. “Mato Grosso é esse estado de solução para o Brasil, para a cesta básica de todos os brasileiros. E eu tenho certeza que com a gestão do Mauro Mendes, com o governo eficiente, um governo pronto para fazer um novo desafio de um mandato muito melhor e claro todos nós nessa parceria, buscando as ações do governo federal, junto com o Governo do Estado e com os municípios – já que eu sou municipalista convicto. Tenho certeza que os quatro anos de mandato do governador Mauro serão muito exitosos e de muitas oportunidades para todos.“, Finaliza o senador.

Governo de MT: Eficiência e infraestrutura serão prioridades da nova gestão

Sobre a cerimônia de posse

Estiveram presentes também na cerimônia de posse a presidente do Tribunal de Justiça de Mato Grosso, desembargadora Clarice Claudino, o senador Jaime Campos e Margareth Buzetti, os deputados federais Fábio Garcia e Carlos Bezerra. Os deputados estaduais Elizeu Nascimento, Xuxu Dal Molin, Carlos Avalone, Valmir Moretto, entre outras autoridades e familiares.

Veja, abaixo, como ficou o secretariado da nova gestão Mauro Mendes:

  1. Casa Civil – Mauro Carvalho
  2. Chefe de Gabinete de Governo – Jordan Espindola
  3. Comunicação – Laice Souza
  4. Agricultura Familiar – Tetê Bezerra
  5. Cultura Esporte e Lazer – Jeferson Neves
  6. Desenvolvimento Econômico – César Miranda
  7. Educação – Alan Porto
  8. Fazenda – Rogério Gallo
  9. Assistência Social e Cidadania – definição será em janeiro
  10. Planejamento e Gestão – Basílio Bezerra
  11. Infraestrutura e Logística – Marcelo de Oliveira
  12. Meio Ambiente – Mauren Lazzaretti
  13. Procuradoria Geral do Estado – Francisco Lopes
  14. Saúde – Gilberto Figueiredo
  15. Segurança Pública – Coronel César Augusto de Camargo Roveri
  16. Controladoria Geral – Paulo Farias
  17. Ciência, Tecnologia e Inovação – Allan Kardec

AGRONEWS® é informação para quem produz

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *