conecte-se conosco

Curiosidades

Joaninhas: saiba o que são e como vivem

Publicado

em

joaninha

Admita, você se derrete quando vê joaninhas. Provavelmente essa é uma das coisas que quase todo mundo tem em comum: a admiração por esse inseto vermelho e fofo. Consequentemente, muitas culturas pelo mundo admiram toda a beleza e leveza desse pequeno animal.

Siga-nos: Facebook | Instagram | Youtube

Além disso, existem muitas culturas que afirmam que esse pequeno animal é capaz de trazer sorte e dinheiro. Quem duvidaria disso, alias, com sua cor vermelha com pontinhas pretas elas conquistam muita gente. Mas será que você sabe que existe uma infinidades de tipos de joaninha, inclusive de outras cores?

Primeiramente, as joaninhas pertencem à ordem Coleóptera e à família Coccinellidae, para a qual já foram descritas mais de 5.000 espécies. Além disso, existem muito mais coisas sobre elas. O Segredos do Mundo conta para você.

Inicialmente é preciso deixar claro que a joaninha é uma espécie de besouro. Consequentemente, está relacionada com outros insetos, como os gorgulhos, escaravelhos e até mesmo os vagalumes. Na maioria das vezes elas são insetos redondos vermelhos com machas pretas, mas existem muitas variedades: alaranjadas, amareladas, etc.

Vejamos a seguir algumas curiosidades da soja

Sua cores vivas servem para avisar a seus possíveis predadores que são venenosos e que têm um sabor ruim. Apesar de não possuir muitos predadores, precisam enfrentar os pássaros e insetos maiores.  Além disso, eles são insetos invertebrados e medem entre 5 e 10 mm. São animais diurnos e se escondem durante a noite e durante o inverno, como uma hibernação. Na primavera, retornam ao campo.

Eles também possuem dois pares de asas. Um par é fino e membranoso e encontra-se sob o outro par de asas, chamadas de élitros, que são duras e resistentes. Elas possuem um par de antenas com função sensorial. As antenas são utilizadas na procura de alimentos, para localização espacial, procura por parceiros reprodutivos, entre outras funções.

joaninhas,joaninha

As joaninhas podem ser encontradas em todos os lugares do planeta. Além disso, nos campo, em cima de plantas e folhas, são facilmente avistadas, pois não se escondem. Elas escolhem para ficar nas plantas que tem pulgões, seu alimento. Elas são atraídas por plantas com cores vivas e por grandes extensões de ervas ou flores.

Os pulgões são chamados de afídeos, insetos pertencentes à ordem Hemyptera e parasitam diversas espécies vegetais. Considerados pragas agrícolas, que causam prejuízos às plantações, os pulgões possuem um aparelho bucal do tipo sugador, com o qual perfuram os tecidos vegetais, alcançado seus vasos condutores e sugando sua seiva.

Você pode notar que as joaninhas são predadoras vorazes de pulgões. Da mesma forma que se alimentam da forma adulta, também comem as larvas. Uma única joaninha pode comer mais de 50 pulgões por dia. Consequentemente, as joaninhas são utilizadas para realizar o controle biológico desta praga em áreas de cultivo agrícola.  Além disso, elas também se alimentam de pequenos insetos, ácaros, pólen e néctar. Duas espécies se alimentam de tecidos vegetais.

joaninhas,joaninha

Primeiramente, as joaninhas são animais solitários que andam a procura de comida. Além disso, quanto a sua reprodução, uma só joaninha pode por mais de 400 ovos. Eles costumam eclodir entre março e abril. Elas deixem seus ovos em folhas de plantas com pulgões, para que as larvas se alimentem antes de se tornarem adultas. O ciclo completo de uma joaninha dura dois meses.

Funciona mais ou menos assim: As larvas eclodem entre 4 a 10 dias, começando a se alimentar. Durante o seu crescimento, podem ocorrer de 4 a 7 mudas. As mudas, ou ecdises, são as trocas periódicas do exoesqueleto quitinoso que envolve o corpo dos artrópodes e que permite o seu crescimento.

Apesar da independência, as joaninhas se juntam para hibernar e protegerem-se do frio. Além disso, estando todas juntas fica mais fácil de acasalar e se reproduzir. Elas vivem, em média, um ano, embora existam algumas espécies que possam viver até três anos.

Finalmente, podemos contar que em alguns lugares as joaninhas são utilizadas para eliminar pulgões e ácaros. Durante o verão, uma única joaninha pode comer até mil presas. Consequentemente, funcionam para o controle biológico. Em colheitas afetadas por pulgões, pode-se liberar as joaninhas e simplesmente deixar que controlem as pragas.

Portanto, se puderem manter a caça aos pulgões através das joaninhas, não há a necessidade de utilizar venenos. Além disso, joaninhas ajudam a manter as cadeias tróficas sem riscos. Por último, em alguns países, as joaninhas são símbolos de boa sorte. São alguns dos insetos mais apreciados por sua beleza.

Você gostou dessa matéria? Então você também vai gostar disso: Vagalumes, como se acendem e por que brilham no escuro?

Fonte: UOL

AGRONEWS – Informação para quem produz

Publicidade
Clique para comentar

Comente sobre esta matéria

Tendências