Mercado do boi 10 de novembro 2022

Volume exportado de bovinos na parcial de 2022 já está em recorde anual

As exportações brasileiras de carne bovina in natura recuaram de outubro para novembro. Ainda assim, pesquisadores do Cepea destacam que os elevados volumes embarcados nos meses anteriores – sobretudo em agosto e em setembro, quando as vendas externas estiveram acima de 200 mil toneladas – já garantiram recorde anual para 2022.

De acordo com a análise do Imea, “Em outubro, foi observado um cenário de estagnação na demanda interna e grande oferta de animais terminados nas praças paulista e mato-grossense. Diante disso, a arroba em São Paulo foi pressionada em 2,51% ante a setembro e registrou a média de US$ 56,59, enquanto a cotação em Mato Grosso decaiu de forma mais acentuada, cerca de 4,10%, no mesmo período”.

Segundo dados da Secex, em novembro, foram escoadas 148,8 mil toneladas de carne bovina, 23% a menos que em outubro. De janeiro a novembro deste ano, o Brasil já exportou 1,84 bilhão de toneladas de carne bovina, sendo 28,5% acima da quantidade escoada no mesmo período de 2021 (1,43 bilhão) e também recorde para um ano – nos 12 meses de 2021, o País embarcou 1,561 bilhão de toneladas. Até então, 2020 sustentava o volume recorde, de 1,725 bilhão de toneladas.

Siga-nos: Facebook | Instagram | Youtube

Confira a tabela indicadora do boi gordo abaixo:

boi

Por Daniele Balieiro com informações do Cepea

AGRONEWS® é informação para quem produz

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *