Curiosidades

Será uma cobra de duas cabeças? Este animal tem asas e sabe voar, veja

A espécie desconhecida para muitos tem chamado a atenção na internet não só pela sua aparência estranha, mas impressiona também por outras características, veja que animal estranho é este

Nos últimos dias, imagens de um animal bem diferente têm chamado a atenção na internet por ter semelhança a uma cobra de duas cabeças. Mas, afinal, será que isso é verdade? Confira a matéria e entenda.

Se você também ficou com curiosidade, saiba que, na verdade, o animal que aparece nas fotos é uma mariposa, isso mesmo, estamos falando de uma mariposa gigante conhecida como Atlas, uma espécie com características tão curiosas quanto a sua aparência.

Mariposa gigante

As borboletas podem ser consideradas uma praga ou admiradas pela beleza das suas cores. Existem milhares de espécies, com tamanhos variados, mas sempre em proporções pequenas. Contudo, existe uma excepção: a mariposa Atlas, considerada a maior borboleta do mundo.

Encontradas nas florestas tropicais e subtropicais do sudeste asiático, sul da China, arquipélago malaio e ainda na Tailândia e Indonésia, estas mariposas atingem o tamanho de um pássaro. As fêmeas, que são maiores que os machos, conseguem atingir uma envergadura de asa de 30,5 centímetros e uma área corporal de 157,5 centímetros quadrados.

A maior espécie de Lepidoptera, em termos de envergadura, é tida como sendo a Feiticeira-branca (Thysania agrippina). Um espécime de Attacus atlas de Java media 262 mm enquanto se afirma que a Thysania tenha entre 270-280 mm. Baseado em algumas espécimes espalhados e ângulo da asa, a medida real de 289 mm foi estimada.

Outro facto curioso sobre estas mariposas gigante é que não possuem boca. Desde que emergem do casulo vivem da gordura acumulada durante as fases anteriores da sua vida, até que procriam, põem ovos e acabam por morrer.

As mariposas atlas devem o seu nome aos padrões mapeados nas suas asas, que se assemelham a um atlas, mas também devido ao seu grande tamanho. Na Ásia o nome nativo é relativo à cabeça em forma de cobra.

Na Índia, as mariposas-atlas são cultivadas por sua seda em uma capacidade não comercial. Ao contrário daquela produzida pela mariposa com parentesco tipo bicho-da-seda (Bombyx mori), a seda da mariposa-atlas é secretada como vertentes descontínuas. Essa seda, parecida com algodão, de cor marrom, é tida como de grande durabilidade e é conhecida como fagara. Os casulos da mariposa-atlas são utilizados como bolsas em Taiwan.

As mariposas-atlas são tidas como nomeadas em homenagem ao titã da mitologia grega, Atlas, ou por suas asas com padrões tipo mapas. Em Hong Kong, o nome cantonês traduz como “mariposa da cabeça de cobra“, se referindo à extensão da asa anterior, que gera uma leve semelhança a uma cabeça de cobra.

AGRONEWS® Informação para quem produz

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos relacionados