Soja: preços devem subir no Brasil em dezembro de 2021

Os preços da soja tendem a subir nesta quinta nas principais praças do país, acompanhando a alta de Chicago. O dólar recua, mas segue em patamares elevados. A movimentação, no entanto, tende a permanecer restrita

O mercado teve um dia de poucos negócios e de preços regionalizados ontem. Chicago apresentou muita volatilidade e o dólar subiu, mas os produtores seguem afastados.

Em Passo Fundo (RS), a saca de 60 quilos recuou de R$ 173,00 para R$ 172,50. Na região das Missões, a cotação passou de R$ 172,00 para R$ 171,50. No Porto de Rio Grande, o preço passou de R$ 175,00 para R$ 175,50.

Em Cascavel, no Paraná, o preço avançou de R$ 164,00 para R$ 167,50 a saca. No porto de Paranaguá (PR), a saca subiu de R$ 169,00 para R$ 172,50.

Em Rondonópolis (MT), a saca permaneceu em R$ 156,00. Em Dourados (MS), a cotação passou de R$ 157,00 para R$ 158,00. Em Rio Verde (GO), a saca passou de R$ 154,00 para R$ 155,00.

Siga-nos: Facebook | Instagram | Youtube

Bolsa de Chicago

  • Os contratos com vencimento em janeiro operam com valorização de 0,65% a US$ 12,70 3/4 por bushel;
  • A queda inesperada nos estoques de óleo de soja atua como fator de suporte;
  • A Associação Norte-Americana dos Processadores de Óleos Vegetais (NOPA) informou que os estoques de óleo de soja americanos em novembro somaram 1,832 bilhão de libras, ante o esperado – 1,9 bilhão. No mês anterior, foram 1,835 bilhão de libras.

Fonte: Agência Safras

AGRONEWS® – Informação para quem produz

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.