Agro da Gente: Imea apresenta relatório preliminar do diagnóstico de agropecuária Cuiabá

O relatório preliminar aponta que 38% da população da área rural já tem conhecimento sobre o programa Agro da Gente, confira!

O secretário de Agricultura, Trabalho e Desenvolvimento Econômico, Francisco Vuolo, se reuniu na última terça-feira (15), com Instituto Mato-grossense de Economia e Agropecuária (Imea) para apresentação do relatório preliminar de agropecuária da Capital. A pesquisa junto ao Imea foi contratada pela pasta para atender o programa Agro da Gente, que integra Pra Frente Cuiabá, uma iniciativa da gestão Emanuel Pinheiro que vai levar qualificação técnica na produção do campo e incentivo ao desenvolvimento agroindustrial.

Cuiabá possui 92% do seu território pertencente à zona rural e, com base nesse dado, o prefeito autorizou a contratação do Imea para a realização do diagnóstico, com objetivo de intensificar as ações voltadas ao fortalecimento da agricultura familiar, qualificação técnica na produção do campo, incentivo à atividade da agroindústria, além de incentivo às cadeias produtivas do peixe, FLV (fruta, legume e verdura), frango e leite.

Ao longo da pesquisa, o instituto percorreu 62 comunidades e entrevistou 329 pessoas a fim de levantar as principais oportunidades e desafios da zona rural cuiabana. O relatório preliminar aponta que 38% da população da área rural já tem conhecimento sobre o programa Agro da Gente. Além disso, a pesquisa também mostra que 72,7% dos estabelecimentos rurais do município trabalham com a produção de aves, em segundo lugar aparece o setor Frutas, Legumes e Verduras (FLV) com 40,65%, sendo destaque na produção de mandioca, quiabo, cebolinha e coentro.

Os resultados foram muito positivos, tivemos uma boa projeção e percebemos que estamos conseguindo alcançar as metas estabelecidas. Estivemos em praticamente todo o município de Cuiabá e conversamos com os produtores para auxiliar nesse mapeamento. O próximo passo será cruzar as informações e detalhar as características e a oportunidades de cada região para direcionar as políticas públicas que possam ser desenvolvidas para essa população rural”, explicou o superintendente do Imea, Cleiton Gauer.

O secretário Francisco Vuolo pontua que o relatório preliminar apresentado mostra um resultado satisfatório das ações desenvolvidas durante os oito meses do programa Agro da Gente.

Esse relatório preliminar aponta uma série de indicadores dentro do programa Agro da Gente, números que fortalecem algumas ações e que apontam as adequações necessárias para a melhoria de políticas públicas a médio e longo prazo, dentre elas as cadeias produtivas que serão analisadas uma a uma. O Agro da Gente já chegou ao conhecimento de 38% da população e esse é um resultado satisfatório em menos de um ano de programa. Em abril, o relatório completo será apresentado de forma oficial prefeito pelo Emanuel Pinheiro às entidades que são parceiras do Agro da Gente”, destacou o Vuolo.

Por: Emily Magalhães – Ascom

AGRONEWS® é informação para quem produz

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.