ClimatempoPrevisão do tempo

CLIMATEMPO 14 a 20 de dezembro 2021, veja a previsão do tempo

Confira o Boletim CLIMATEMPO 14 a 20 de dezembro 2021 e veja a previsão do tempo para todas as regiões produtoras do Brasil nos próximos 7 dias.

Acumulados de chuva

A última semana foi marcada por grandes acumulados de chuva no interior do Nordeste do Brasil, mas principalmente no sul da Bahia. em Itamaraju foram registradas mais de 500mm de chuva, o que corresponde a pelo menos três vezes e meia a média histórica da região.

Já a previsão para os próximos 7 dias é de continuidade das chuvas, mas o acumulado deve diminuir de maneira bastante significativa. Um dos motivos é que a chuva ganha força entre a região Sudeste e Centro-Oeste do país por causa da formação de áreas de instabilidade, principalmente de sistemas de baixa pressão.

Conforme análise do CLIMATEMPO, as imagens de satélite desta segunda-feira já mostram um céu carregado no interior do Sudeste e nos próximos dias ao longo da semana a expectativa é de até mais de 100 mm de chuva entre o norte de São Paulo, Triângulo Mineiro, algumas áreas de Goiás, também norte de Mato Grosso do Sul e em muitos pontos do estado de Mato Grosso.

Para a região Sudeste, especialmente o noroeste paulista, a previsão é de receber acumulados que deverão ultrapassar os 70 a 80mm de chuva e em alguns pontos vai ultrapassar os 100mm. De qualquer forma, tem previsão para bons volumes de chuva em grande parte do estado de São Paulo, principalmente centro e norte do estado e trata-se de uma chuva muito bem vinda para as áreas produtoras de soja que já estavam sentindo os efeitos da estiagem dos últimos dias.

Cantareira está tendo o dezembro com o menor nível em 6 anos

Na medição recente desta segunda-feira, dia 13 de dezembro de 2021, o sistema Cantareira registrou um nível de 24,5%, sendo o menor volume no sistema deste ano de 2021 e desde o dia 01 de março de 2016, quando o seu nível era de 24,0%.

Agora, analisando apenas o mês de dezembro, o valor de 24,5% desta segunda (13) foi também o menor nível dos últimos 6 anos para um mês de dezembro, desde 2015. O menor nível de dezembro naquele ano era de -9,7% em 01 de dezembro de 2015.

CLIMATEMPO 14 a 20 de dezembro 2021, veja a previsão do tempo

Ressalta-se que o maior nível de dezembro de 2021 no Cantareira foi de 26%, observado no dia 01/12/2021. Sendo o menor volume máximo em % para dezembro em 6 anos também, desde 2015.

A maior máxima do volume em dezembro de 2021 foi de apenas 0,3% no dia 31/12/2015.

Previsão para esta semana no Sistema Cantareira

Nos próximos dias as chuvas são persistentes e ganham mais força entre os estados de São Paulo, Minas Gerais e Rio De Janeiro. Há riscos para temporais e volumes de chuva elevados entre segunda-feira (13) e o início do sábado (18), com potencial para deslizamentos de terra e alagamentos, além de transbordamentos de rios e córregos e queda de árvores.

Ressalta-se que os acumulados de chuva devem passar facilmente dos 100mm sobre esses três estados. Atenção também para as condições de raios, rajadas de vento e queda de granizo durante esse período. Sobre o Sistema Cantareira, a expectativa é de chuva entre 50 e 200mm nesta semana.

O motivo dessas instabilidades desta semana se deve a um corredor de umidade mais persistente, que vem da Amazônia, e está relacionado com a formação da Zona de Convergência do Atlântico Sul (ZCAS), mais o avanço de uma área de baixa pressão atmosférica para o estado de SP.

Chuva perde força na região Sul

No Sul país também recebe chuva, mas somente até a quarta-feira e o acumulado chega no máximo aos 30mm em alguns pontos do centro e leste do Rio Grande do Sul, de Santa Catarina e as áreas mais ao Norte do Paraná. Seria uma chuva muito boa se a situação fosse outra, o problema é que a umidade do solo está muito baixa nos três estados do sul do país.

A umidade até aumenta um pouco no decorrer dos próximos dias na região Sul, só que a partir da quarta-feira para de chover e a temperatura vai subir muito rápido, então a tendência é de secar novamente o solo em grande parte do sul do Brasil. Principalmente no Rio Grande do Sul até o final do mês de dezembro dificilmente volta a chiver.

E para finalizarmos esta análise da semana, entre o Sudeste e Centro-Oeste, especialmente São Paulo, Triângulo Mineiro e o centro-leste de Mato Grosso do Sul, além de sul de Goiás, a tendência é de aumento significativo a umidade solo pelo menos até bem próximo a semana do Natal.

Assista abaixo o Boletim CLIMATEMPO 14 a 20 de dezembro 2021

Fonte: CLIMATEMPO

AGRONEWS® Informação para quem produz

Siga-nos no Google News: CLIQUE AQUI

2 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Artigos relacionados