CuriosidadesDestaque

Desvendando o mistério dos feijões saltitantes do México

Você já ouviu falar do feijões saltitantes do México? Ele se move, ele treme, está vivo, afinal porque eles conseguem realizar essa façanha? Neste artigo vamos analisar o mistério por trás deste movimento inusitado e real. Confira!

Bom para começarmos a desvendar esse mistério é necessário saber que tecnicamente, não se trata de um feijão de verdade. Apesar de não ser um legume como os feijões de verdade, esta semente é fruto de uma espécie de árvore da família das purgas (Sebastiania pavoniana), nativa do México e noroeste da Costa Rica.

Desvendo o mistério dos feijões saltitantes do México

Desvendando o mistério dos feijões saltitantes do México

Quando a pavoniana começa a florescer na primavera, nas encostas rochosas e áridas de Chihuahua e Sonora, no México, uma mãe mariposa (Cydia saltitans) deposita seus ovos nas cápsulas das flores da planta. Quando os ovos eclodem, as larvas roem um pequeno orifício e atravessam para o interior das cápsulas e, conforme as cápsulas amadurecem, ficam marrons e duras por fora, bem parecidas com feijões. As larvas ficam seguras dentro do fruto da semente e se alimentam do conteúdo desta cápsula.

Desvendando o mistério dos feijões saltitantes do México

Naturalmente, o fruto cai da planta no chão da floresta, onde as larvas começam a se mover, fazendo com que o feijão pule. Para fazer as larvas se movimentarem, basta aumentar repentinamente a temperatura. Isso fará com que as larvas tentem se mover para longe da fonte de calor. Em seu estado natural, elas tentam sair da luz solar direta para evitar superaquecimento e desidratação potencial, o que pode levar rapidamente à sua morte.

Mesmo um pequeno aumento na temperatura basta para fazer as larvas se movimentarem e, às vezes, basta segurá-las na mão para isso (veja no vídeo abaixo). “Salto” muitas vezes é uma forma exagerada para explicar o movimento, mas os feijões, mesmo assim, se movem bastante.

A larva pode viver por meses dentro do fruto, com períodos de inatividade. Ela come a semente dentro da cápsula, criando um vão para si mesma. Se o fruto é cortado, a larva irá reparar o buraco com seda.

Em condições adequadas, elas ficam nos feijões até a primavera seguinte, amadurecendo para a sua fase de pupa, quando deixam de ter espasmos em resposta ao calor. Antes disso, elas conseguem literalmente comer um buraco de saída no fruto e o obstruem com o seu fio de seda. Em seguida, tecem um casulo que se conecta por um caminho de seda a esse buraco de saída. A mariposa madura não tem mandíbulas, então, sem essa saída pré-feita, a mariposa não teria como sair do fruto.

A mariposa cinza prateada e sem mandíbulas emerge do fruto na primavera, quando geralmente vive por apenas alguns dias, tendo como único objetivo propagar sua espécie.

Abaixo você confere um vídeo produzido pelo canal “Whats inside”, com uma espécie de review deste brinquedo da natureza. A reação ao abrir os feijões saltitantes e surpreendente. Aperte o Play!

Curiosidades

Além do movimento peculiar, existem algumas curiosidades sobre os feijões saltitantes, veja 06 delas:

  1. Os feijões saltitantes são vendidos como brinquedos em lojas especializadas em todo o mundo. A gigante Amazon tem em seu portfólio um jogo que utiliza os feijões.
  2. A larva da mariposa do feijão saltitante se move principalmente quando a temperatura é aumentada. Alguns donos de feijões saltitantes os colocam em recipientes com areia quente para incentivar o movimento.
  3. A larva da mariposa do feijão saltitante pode viver por meses dentro da semente, mas apenas se estiver em condições adequadas, como umidade suficiente.
  4. Os feijões saltitantes só são vendidos no período da primavera, quando as larvas estão ativas.
  5. A larva da mariposa do feijão saltitante só pode ser encontrada em um pequeno trecho do México, nas encostas rochosas e áridas de Chihuahua e Sonora.
  6. A empresa Ruffles, conhecida mundialmente por suas batatas fritas, fez uma campanha comercial utilizando a temática dos feijões saltitantes do México. O resultado da peça publicitária ficou hilariante e você pode conferir logo abaixo.

E então, o que achou desta curiosidade? Escreva nos comentários.

Por Vicente Delgado – AGRONEWS®

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo