Notícias

Vulcão entra em erupção nas Ilhas Canárias e 5 mil pessoas são evacuadas

Nenhuma morte foi relatada e o vulcão continua ativo nesta segunda-feira (20); 500 turistas já deixaram La Palma e cerca de 20 casas foram destruídas.

A primeira erupção vulcânica das Ilhas Canárias em 50 anos forçou a evacuação de cerca de 5 mil pessoas, incluindo cerca de 500 turistas, disseram autoridades nesta segunda-feira (20).

A expectativa é que não seja necessário evacuar mais pessoas.

O vulcão entrou em erupção neste domingo (19), lançando lava a centenas de metros no ar, engolindo casas e florestas e enviando rocha derretida em direção ao Oceano Atlântico sobre uma área escassamente povoada de La Palma, a ilha mais a noroeste do arquipélago das Canárias.

Nenhuma morte foi relatada, mas o vulcão ainda estava ativo nesta segunda-feira. Ainda há fumaça saindo do vulcão e casas pegando fogo.

Vulcão entra em erupção nas Ilhas Canárias e 5 mil pessoas são evacuadas

“A lava está se movendo em direção à costa e os danos serão materiais. De acordo com especialistas, existem cerca de 17-20 milhões de metros cúbicos de lava”, disse o presidente regional Angel Victor Torres.

O fluxo de lava destruiu cerca de 100 casas até agora, disse Mariano Hernandez, presidente do conselho de La Palma, à rádio local Cadena Ser.

Cerca de 20 casas foram engolidas no vilarejo de El Paso junto com trechos de estradas, disse o prefeito Sergio Rodriguez à rádio TVE, acrescentando que a lava estava se espalhando pelos vilarejos vizinhos, colocando centenas de casas em risco.

O vulcanologista Nemesio Perez disse que é improvável que haja fatalidades – desde que ninguém se comporte de forma imprudente.

La Palma estava em alerta máximo para uma erupção depois que mais de 22 mil tremores foram relatados no espaço de uma semana em Cumbre Vieja, que pertence a uma cadeia de vulcões que teve uma grande erupção em 1971 e é um dos vulcânicos mais ativos regiões nas Canárias.

Um homem foi morto em 1971 enquanto tirava fotos perto dos fluxos de lava. Na época, nenhuma propriedade foi danificada.

Uma erupção submarina ocorreu há cerca de 10 anos perto das ilhas, mas causou poucos danos.

Vulcão entra em erupção nas Ilhas Canárias e 5 mil pessoas são evacuadas

O primeiro-ministro Pedro Sanchez chegou a La Palma neste domingo para intermediar conversas com o governo das ilhas sobre como gerenciar a erupção.

“Temos todos os recursos e todas as tropas, os cidadãos podem ficar tranquilos”, disse ele.

Um porta-voz dos serviços regionais de emergência disse não estar claro qual caminho a lava seguiria para chegar ao oceano e que as autoridades evacuaram pessoas com problemas de mobilidade de várias cidades costeiras, incluindo o popular resort de praia de Puerto Naos.

A operadora do aeroporto Enaire disse que o tráfego aéreo está aberto, sem problemas de visibilidade, acrescentando que cabe às companhias aéreas decidir se querem mudar seus planos.

A companhia aérea local Binter disse que cancelou quatro voos.

Fonte: CNN Brasil

AGRONEWS® – Informação para quem produz

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos relacionados